quarta-feira, 2 de julho de 2014

De volta as minhas raízes visionárias



Uma simples batida de tambor, assim como a batida do coração de uma mãe, é importante também para a meditação e para entrar nos reinos místicos.

Há dentro de cada um de vocês uma luz poderosa, uma luz que é a luz e o amor de Deus. Há dentro de você também, um grande e vasto reservatório de sabedoria, de todo o conhecimento que você precisa para se conectar, a fim de viver a sua vida com alegria, graça e tranqüilidade, não importa quais sejam as circunstâncias externas. Há dentro de você um curador, uma parte sua que o conhece, o você verdadeiro, que já é íntegro e que você deve apenas eliminar as compreensões errôneas e aprender a amar as partes de si mesmo que não parecem amadas, a fim de criar um grau maior de cura. Querido, todo o universo existe dentro de você, se você se interiorizar o suficiente.
Assim, quando algo em sua vida não estiver funcionando da  maneira que você deseja, assuma que o poder, as respostas, os recursos que você precisa estão disponíveis dentro de sua própria alma. Respire, acalme a sua mente. Interiorize-se e diga simplesmente: “Quem dentro de mim pode me ajudar?” Permita que a sua imaginação traga uma cena ou um sentimento da pessoa sábia em seu interior, o curador interior, ou, talvez, a parte não amada em seu interior que quer atenção. Permita-se conectar com uma imagem, ou um sentimento das partes suas que podem ajudar a resolver o problema. Sejam conscientes ou inconscientes, você tem energias dentro de sua alma que podem assumir uma forma, um sentimento em sua imaginação e se comunicarem com você – dando-lhe conselhos, sabedoria, ou até ajuda. Estas são partes de sua própria alma. Elas são os “anjos” em seu interior, por assim dizer, as partes do  amor de Deus plantadas como sementes dentro do seu ser, antes mesmo que você nascesse!
Tente-o agora. Pense em uma área em sua vida onde você precisa de ajuda. Pretenda que você somente receberá ajuda das partes mais sábias e mais amorosas de sua alma. Respire profundamente algumas vezes. Tranquilize a sua mente. E, então, usando a sua imaginação, diga a si mesmo: ”Quem em meu interior poderá me ajudar?” Permita que uma imagem ou sentimento venha à mente.
Pergunte a esta imagem, ou imagine perguntando a este sentimento: “Que sentimento você poderia me dar?” “Como você pode me ajudar?” Ou, em alguns casos: “O que você precisa de mim?” Se a resposta ressoar com você, confie. Experimente-o.
Veja o que decorre disto.
Há muito mais para cada um de vocês do que percebem, e ao usar técnicas como estas, você pode ignorar as partes de sua mente lógica que limitam o que você sabe e que entram nos vastos reservatórios de sabedoria plantados profundamente em seu próprio ser.
Deus o abençoe! Nós o amamos muito.
Os Anjos
MENSAGEM DOS ANJOS com Ann Albers
http://clicks.aweber.com/y/ct/?l=PO6CE&m=JRa6MSTd_MmWZf&b=K...
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br